Seja Bem Vindo, 17 de Agosto de 2018
Samae Solidário: Wesley Torres explica como funciona contribuição a projeto social
A novidade foi anunciada nesta quarta-feira, dia 1º de agosto, em coletiva à imprensa, com a presença de representantes do Samae, Rotary Tangará, assim como da Associação Nosso Lar - Casa do Idoso e Casa Transitória da Criança de Tangará da Serra
Publicado em: 02/08/2018 ás 10:16:00 Fonte: Diário da Serra

Facilitar o acesso e com isso aumentar significativamente a contribuição mensal a duas importantes entidades de Tangará da Serra. Esse é o objetivo do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Samae) e do Rotary Club Tangará da Serra ao lançarem a nova ferramenta para cadastro no projeto Samae Solidário. 
A novidade foi anunciada nesta quarta-feira, dia 1º de agosto, em coletiva à imprensa, com a presença de representantes do Samae, Rotary Tangará, assim como da Associação Nosso Lar - Casa do Idoso e Casa Transitória da Criança de Tangará da Serra – entidades beneficiadas. “Esse é um projeto de longa data, uma iniciativa do Rotary e do Samae, em que os valores arrecadados na fatura de água, são repassados, de igual forma, para a Casa da Criança e Casa do Idoso. E a grande dificuldade que vemos é de angariar novas pessoas com essa disponibilidade, esse desejo de contribuir. Diante disso, estudamos uma forma, unidos a tecnologia, para que possamos desburocratizar e facilitar a adesão do cidadão tangaraense, que é consumidor do Samae, nesse projeto”, conta o diretor do Samae, Wesley Lopes Torres, ao apresentar a ferramenta. “Em alguns cliques você consegue abrir um link e com apenas quatro informações você passa a contribuir com a Casa da Criança e Casa do Idoso”.
Para se cadastrar ao projeto Samae Solidário e autorizar o débito mensal na fatura de água é muito simples. Basta acessar o link https://goo.gl/forms/SxejWh0clJAshrHv1 e preencher as informações solicitadas: endereço de e-mail, nome, telefone, unidade consumidora (número disponível na parte superior direita da fatura) ou endereço, e informar o valor da contribuição. 
A campanha para massificar a nova forma de adesão ao projeto também está sendo feita por meio das redes sociais. “Uma forma segura, prática e que facilita a vida daqueles que tem bom coração e que desejam contribuir com essas nossas entidades”, finaliza Torres. 

Expectativa é dobrar o número de doações

Atualmente o projeto Samae Solidário arrecada R$ 2,5 mil, distribuídos em partes iguais à Associação Nosso Lar - Casa do Idoso e Casa Transitória da Criança de Tangará da Serra. Esse valor corresponde a somente 625 unidades consumidoras, das mais de 32 mil existentes em Tangará da Serra. 
Buscando aumentar essas doações, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Samae) e o Rotary Club Tangará da Serra iniciaram um trabalho de massificação do projeto, com o objetivo de, pelo menos, dobrar o número de doações. “Nosso ponta pé inicial é aumentar em pelo menos R$ 15 mil para cada entidade, por mês”, afirmou o diretor de Imagem Pública do Rotary Tangará, Evandro Medeiros. 
“Se cada ligação contribuir com no mínimo dois reais, temos um percentual significativo que vai acrescentar muito e colaborar com a Casa da Criança, pois temos uma necessidade muito grande (…) a despesa passa de 30 mil reais”, conta a representante da entidade, Brígida Fischer. “Por isso gostaria de conclamar a comunidade tangaraense, que é sempre parceria, para que faça essa adesão”.
Assim como ela, o representante do Lar do Idoso, Antônio Brasil Fernandes, também reforçou o pedido de colaboração. “Temos verbas fixas, que não ultrapassam 50% das nossas necessidades. Todo o restante da manutenção vem da população, vem da comunidade e de eventos e projetos, como este Samae Solidário (…) Então, convoco toda a comunidade que colabore, com o mínimo que seja, que não pesará no bolso de ninguém, mas vai conseguir alimentar toda essa necessidade que o Lar do Idoso e a Casa da Criança tem”.

Copyright 2017. Todos os direitos reservados.